Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
117 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56921 )
Cartas ( 21134)
Contos (12535)
Cordel (9883)
Crônicas (21940)
Discursos (3125)
Ensaios - (10032)
Erótico (13216)
Frases (41984)
Humor (17836)
Infantil (3614)
Infanto Juvenil (2349)
Letras de Música (5450)
Peça de Teatro (1313)
Poesias (137256)
Redação (2893)
Roteiro de Filme ou Novela (1049)
Teses / Monologos (2382)
Textos Jurídicos (1917)
Textos Religiosos/Sermões (4538)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->MINHA ALMA NO CALABOUÇO -- 20/06/2016 - 22:08 (Edmar Guedes Corrêa****) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Minha alma, aprisionada neste corpo mortal,
Frágil e tão cheio de limitações
Tem de lidar constantemente com as insatisfações
Que minha razão lhe impõe com sua moral

Minha alma quer e anseia constantemente
Por novos prazeres, pelo excêntrico e incomum
Mas minha razão, agindo em comum
Com a moral, frustra-a a todo instante

Minha alma, às vezes, se rebela de forma irracional
Querendo impor suas vontades e aspirações
Mas aprisionada, depara com as frustrações
E se vinga desse corpo com fúria animal

E assim sofro esse viver eterno e inconstante
Como se em mim não houvesse apenas um
Mas dois “eus” que, num corpo em comum,
Brigam por migalhas de desejos constantemente


ENCONTRE-ME TAMBÉM:
NO GOOLGE+
NO FACEBOOK
TWITTER
NO MEU BLOG



ÚLTIMOS POEMAS PUBLICADOS:
NESTE POR DO SOL
A CURTA REALIDADE
NÃO CHORAREI TUA PARTIDA
VOU MORRER SORRINDO
O SORRISO DUM OLHAR TRISTE
SE AMEI, NÃO FOI EM VÃO
ESQUECENDO O PASSADO
APRENDIZADO
CERTO DE TER VIVIDO
O BRUSCO APAGAR DA CHAMA
A SEDUTORA
ADORNO DO AMOR
FOI DEMAIS PRA MIM
AGARRANDO-SE AO PASSADO
A MUSA NA PRAIA
QUEM CULTIVA O ÓDIO
BATALHA PERDIDA
NUM JARDIM ESQUECIDO
SE QUERES PARTIR DA MINHA VIDA
FRUTO DA DESRAZÃO
MINHAS ASPIRAÇÕES DIVAGAM
UM QUERER CONSTANTE
QUANDO A RAZÃO FAZ BEM
INSTINTOS
LEMBRANÇA DE UM AMOR PERDIDO (8)

NÃO DEIXE DE LER: 30 TEXTOS MAIS LIDOS DA USINA NOS ÚLTIMOS 6 MESES
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui