Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
118 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56718 )
Cartas ( 21128)
Contos (12517)
Cordel (9865)
Crônicas (21896)
Discursos (3121)
Ensaios - (10001)
Erótico (13200)
Frases (41729)
Humor (17749)
Infantil (3605)
Infanto Juvenil (2334)
Letras de Música (5448)
Peça de Teatro (1312)
Poesias (137078)
Redação (2886)
Roteiro de Filme ou Novela (1049)
Teses / Monologos (2381)
Textos Jurídicos (1917)
Textos Religiosos/Sermões (4523)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Erótico-->Nosso gozo -- 21/10/2017 - 12:58 (Padre Bidião) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Desde o instante em que de mim você se aproxima, meu corpo começa a estremecer e o rio vai minando por entre minhas entranhas. Lentamente vais me beijando por toda a pele que aquecida pelo calor do teu amor. Os bicos enrijecem apenas ao toque suave de tuas mãos que vão acariciando o corpo e as entranhas da minha caverna começam a preparar-se para receber tua porção líquida que me renova a cada balanço do vai e vem das volúpias. Meu corpo sente e se entrega ao enlace carnal do rio a desaguar no mar do nosso instante mágico. Consegues abrir em mim, a porta da caverna toda molhada e pronta para te receber. E nesse momento, grito aos céus de tanta felicidade pelo gozo. E nos tornamos líquidos no nosso amor, e uno numa só correnteza. Nossos suores se misturam ao nosso grito de liberdade e começamos a navegar em direção ao oceano do amor. No liquefação nutre nosso amor e aos céus chegamos em paz. Minha entranha contrai involuntariamente para massagear teu arpão que acerta em cheio o coração da sereia.
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui